Justa e Certa

Me parece justa, me parece certa.

Um juntos em casa, outro doente e agora separados. Três aniversários em três situações diferentes, três aniversários em dois anos e meio juntos, dois anos e meio de carinho, dois anos e meio de brigas, dois anos e meio de mudanças.

Pessoas mudam, evoluem, melhoram, sejam pelas situações vividas, pelos valores adquiridos, pelas responsabilidades que surgem ou pela experiência conquistada ao longo do tempo. Quando se está do lado de quem se deseja estar é possível observar estas mudanças com outros olhos, percebendo como tudo que aconteceu hoje tem um sentido diferente, como tudo que aconteceu hoje representa muito mais que uma memória. É possível perceber essas mudanças sempre que se olha para essa pessoa, e ver a mudança mesmo nas pequenas coisas, como no jeito de ser, como no aprender a dormir juntos, nos telefonemas, nas palavras, nas declarações, nos abraços e beijos, nas mudanças, nas constantes viagens, nas festas de familia, na relação com a familia, a relação com os sogros, as roupas, no cabelo mais loiro, nos muitos sapatos, no tipo de cachorro que se quer, os planos, nas expectativas, no futuro apartamento, nos novos amigos, nos desafetos, nas músicas, nos filmes, nas pizzas, nos encontros, nas despedidas, nos livros, nos relatórios, no estágio, nas aulas, nas brigas, nas discussões, na saudade, no jeito de dormir, nos restaurantes, nos presentes, nas alianças, nas lágrimas, no conforto, nas declarações, no carinho, no amor e simplesmente na pessoa extraordinária em que se tornou.

Mas não é somente a pessoa que muda, mas o que sentimentos por ela também. Quando se passa por tantas mudanças de forma tão digna, nada é mais justo do sentir cada vez mais e mais orgulho, ter mais admiração, mais amor, e mais certeza de que fez a escolha certa, nada mais justo do que agradecer todos os dias pela pessoa que se tem ao seu lado e poder dizer sem a menor sombra de dúvida que se orgulha e a admira cada dia mais. Olhar para o passado e lembrar de como tudo era é bom, mas olhar para o presente e poder sorrir sem o menor medo, com todo o orgulho e carinho possível é melhor ainda.

Por todas as mudanças e pelas situações, meus mais sinceros parabéns. Não há como não ter total admiração por alguém que tem passado por tanta coisa de forma tão exemplar, não há como não se orgulhar e desejar sempre o melhor a cada ano que se passa, tendo a certeza de que ela é a pessoa certa, de que ela é aquela que você ama.

Ela, me parece justa, me parece certa, como nunca pareceu antes.

Daquele que te ama e te admira

Richard Scherer

0 Responses to “Justa e Certa”



  1. Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: