Goodbye Yellow Brick Road

Muitas pessoas conhecem a historia do ‘Mágico de Oz’, mas de fato, não sabem do que se trata… Apenas dando uma rápida explicação, a historia começa com Dorothy indo por acidente pra terra de Oz, onde, para voltar para casa deve encontrar o Mágico de Oz na Cidade das Esmeraldas.

Dorothy começa sua jornada, e no caminho encontra alguns amigos, um espantalho (que deseja um cérebro), um homem de lata (que deseja um coração) e um leão (que deseja coragem). Juntos, os quatro seguem em busca do Mágico, esperando que este realize seus desejos, sejam quais forem.

Para chegar á seu destino e realizar seus sonhos, eles devem seguir a Estrada dos Tijolos Amarelos.

Todo mundo tem sonhos, todo mundo almeja alguma coisa, tem esperança, tem um destino onde quer chegar, alguém que quer encontrar, um lugar para estar… Entretanto, essas coisas não acontecem de uma hora para outra, existe um caminho á se percorrer, existem coisas a se fazer, obstáculos, e claro, pessoas que você encontra ao longo deste caminho… Algumas vezes o caminho é difícil, algumas vezes você deve ter cuidado para não cair dele…

É desse caminho que estamos falando, essa é a verdadeira Estrada dos Tijolos Amarelos.

Cada um tem sua estrada, cada um sabe o caminho que deve seguir… Cada um sabe para onde caminha, e mesmo que olhando para os próprios pés, continua caminhando… A única questão é saber o que tem no fim desse caminho, o que você vai encontrar lá, o que você realmente deseja, o que você quer que o Mágico de Oz te dê.

Quem disse que o caminho é fácil? Ninguém, e de fato não é, nenhum caminho é, este muito menos… Mas eu, pelo menos, nunca desisti de seguir adiante, nunca caminhei olhando para os meus pés, nunca ignorei o que eu via, pelo contrário, admirava, e ainda admiro cada paisagem, cada passo, cada momento em que caminho em direção ao que quero.

Todos deveriam fazer isso, caminhar de olhos abertos e cabeça erguida… Afinal, esse foi o caminho escolhido.

Quanto a mim? Bom, eu tenho o meu próprio caminho, claro, como todos os demais… Jamais deixei de prosseguir, esperando encontrar o Mágico e pedir á ele algo que eu nunca tive por completo… Enquanto caminhei, vi coisas maravilhosas, vi o passado, presente e futuro, vi dentro de mim mesmo, vi dentro de outras pessoas, vi tudo aquilo que eu esperava ver, e o que eu nunca queria ter visto, vi o céu e o inferno, o bem e o mal, a alegria e a tristeza. Mas nunca, NUNCA, deixei de seguir adiante.

Coragem, orgulho, honra, alegria, vontade, desejo, amor… São inúmeros os sentimentos e sensações que jamais me deixaram desistir, e não apenas isso, meus próprios amigos e mesmo pessoas que eu nem conheço não me deixaram desistir… Quando eu parecia perdido, alguem estava lá para me dar a mão, e me lembrar do que eu havia esquecido, quem eu era, o que eu era, o que eu queria, por que eu queria.

E eu jamais desisti.

Mas hoje, estou parado no meio do caminho…

Não que eu esteja cansado, de saco cheio, ou sem esperança, isso jamais, como uma vez eu li, se me perguntarem, eu responderei ”Não admito! Minha esperança é imortal!”, e de fato é, mesmo quando eu pensei que já não tinha nada, lá estava, minha esperança, minha fé, meus sonhos e desejos.

Entretanto, cada vez mais o caminho tem ficado complicado… Tijolo a tijolo o caminho tem se corroído aos meus pés, cada passo tornou-se um perigo pois nunca se sabe se cairei ou não, eu simplesmente não sei mais onde pisar e por onde seguir. Até então, eu venho me equilibrando no estreito caminho que existe, pois como eu disse, meu desejo não é de desistir, jamais, e nem vou.

Devido a isso, eu me encontro parado, simplesmente parado, olhando os poucos tijolos que sobraram, mas até onde minha vista enxerga, já não vejo mais nenhum caminho… Talvez exista, talvez não, mas eu jamais saberei, pois eu não desisti, simplesmente não há mais como seguir em frente. Ainda sim, se o caminho existir, talvez um dia eu possa voltar á ele, e encontrar um meio de seguir adiante…

Eu não sei, talvez alguém esteja destruindo meu caminho, ou não querem que eu siga em frente, ou não me deixem seguir, mas é isso, já não importa… A culpa não é minha, não é de ninguém, simplesmente é isso, e os tijolos continuam caindo… E eu queria, sim, continuar este caminho, encontrar o Mágico e quem sabe, tudo ficaria bem um dia… Mas, não posso ficar parado, ou jamais chegarei a lugar algum…

No fim, este não é um texto sobre desistência, mas sim, aceitação. Eu simplesmente aceito tudo que me acontece, assim como, aceitarei o que mais acontecer… Há melhor forma de respeitar alguém do que senão respeitando suas decisões e sentimentos, e aceitando isso?

Então, infelizmente, chegou a hora de me despedir desse caminho, mas não apenas disso… Chegou a hora de me despedir de meus sonhos…

E como me disseram, é hora de seguir meu caminho… Seja lá qual for…

So… Goodbye, yellow brick road… Adeus, estrada dos tijolos amarelos…

PS1. ‘Goodbye Yellow Brick Road’ é uma musica do Elton John, tendo inclusive versões de outras bandas, incluindo Keane.

PS2. É uma pena… Mesmo…

3 Responses to “Goodbye Yellow Brick Road”


  1. 1 greendevil junho 15, 2008 às 11:42 pm

    “Enquanto caminhei, vi coisas maravilhosas, vi o passado, presente e futuro, vi dentro de mim mesmo, vi dentro de outras pessoas, vi tudo aquilo que eu esperava ver, e o que eu nunca queria ter visto, vi o céu e o inferno, o bem e o mal, a alegria e a tristeza”

    Isso se chama “Cosmo” segundo “Lost Canvas” hahahaha

    Bom, sonhos mudam, meu rapaz… sonhos mudam…

  2. 2 Andréia junho 21, 2008 às 2:54 pm

    Concordo com o comentário do greendevil. Sonhos mudam porque seu caminho mudará. Como tu disseste, despeça-te desse caminho, dê meia volta, ache e parta para outro, com novos sonhos, com novos objetivos, novas pessoas…novo mundo e universo.
    Lembre-se Rih, só a reflexão tem o poder de mudar isso. E tem que ser a sua reflexão, o que outrem fala é somente subsidiário.
    Inclusive o que eu falo.

  3. 3 Lari julho 15, 2008 às 1:34 am

    Meu! Isso aí é muito grande… Dá pra você resumir pra mim?


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: